25.1.10

sobre meu lirismo

escrever sobre mim
não m'é possível -

gosto de olhar o
corpo do objeto
até ser permitido
tocá-lo para
obter a resposta,
sempre inesperada -

escrever é revelação
da substância na palavra (como em 'substância' vislumbro o 'súbito')

escrever um poema é
esculpir com o sopro
e, de súbito, o
toque:

poetrifico-me

Um comentário:

Raquel Beatriz disse...

nossa... henrique vitorino

a série de janeiro está linda!
a cada um é susto!

deleite

Seguidores