11.10.12

autoconsciência

sou ínfimo
entre minhas
peles -
como um comentário entre parênteses
ou um comprimido para a dor de cabeça.
ou um fusca.

vivo em redução
ante o assombro
da existência.

e é em meu caminhar subtrativo
que desapego de mim:
esfregando-me em pontudas pedras
deixando-me cair de mim.
deleto-me.

olho o preciso espelho de Suas palavras:
ali a humanidade perdida
em Jesus recuperada.

autor: João da Pena*.

*observação: João da Pena sou eu mesmo.

2 comentários:

Arquitute disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Arquitute disse...

Adorei o pseudônimo.

Seguidores