5.3.09

desverbarizar

na vida
tudo sempre vão

entremeios

para cima: nada
para baixo: nem escada
cada passo alçapão

cada abraço esbarrão

(para Virgínia Gonzaga)

Nenhum comentário:

Seguidores